SOBRE NÓS

Nossa igreja é a sua igreja. Existimos para glorificarmos a Deus juntos.

LOCALIZAÇÃO

(13) 3237-1846

 

Av. Sen. Pinheiro Machado, 624

Santos/SP - CEP 11075-002

CONECTE-SE
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey YouTube Icon

October 9, 2019

May 27, 2018

Please reload

Posts Recentes

Todos querem ir para o céu, mas ninguém quer morrer

August 13, 2019

1/3
Please reload

Posts Em Destaque

As minhas mãos

28/06/2017

Olhe para as suas mãos. Anos atrás, convivíamos com uma pessoa que chamávamos de "mão de lixa". Sua mão era grossa, áspera. A mão do sertaneja que pega na enxada deixa suas marcas.

Outros possuem mãozinha de bebê. Uns por não fazerem exatamente nada, outros por usarem hidratantes e outros por atuarem em profissões que não exigem um uso desgastante das mãos.

Via de regra, ao envelhecermos, não a palma de nossas mãos, mas a pele por sobre ela demonstra que estamos caminhando nesta vida.

Mas o que quero trazer à reflexão de todos é um texto bem conhecido e importante:

"Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças" (Eclesiastes 9.10).

Na brevidade da vida e na insignificância de tantos atos que cometemos dia a dia, somos orientados a fazer o que vier à nossa mão com todas as nossas forças.

Outro texto bem interessante que nos norteia e exorta é: "Servos, obedecei a vosso senhor segundo a carne com temor e tremor, na sinceridade do vosso coração, como a Cristo, não servindo à vista, como para agradar a homens, mas como servos de Cristo, fazendo, de coração, a vontade de Deus; servindo de boa vontade, como ao Senhor e não como a homens, certos de que cada um, se fizer alguma coisa boa, receberá isso outra vez do Senhor, quer seja servo, quer livre" (Efésios 6.5-8).

 

Diante deste texto, algumas reflexões:

* Sempre que fazemos algo, pensamos que, primeiramente, estamos fazendo para o próprio Deus?
* Quando servimos, pensamos agradar a quem?
* Quando servimos, fazemos de coração?
* Tenho eu disponibilizado todo o meu conhecimento e minhas forças para que Cristo seja glorificado através do meu servir?

 

São perguntas que precisam permear minhas atitudes.

Não viva vivendo simplesmente, sem pensar no que está fazendo. Muito menos deixe de fazer por se sentir incapaz, cansado ou desinteressado.

Desprendemos tanta força e energia com "serviços" que não dão em nada e que em nada dignificam a Deus. Faça algo que perdure por toda a vida. Sirva, sirva e sirva. E ao servir, lembre-se que primeiramente você faz tudo isso para Deus. Lembre também que servir ao próximo é importante e agrada a Deus. Lembre-se que, fazendo isso, estarás cumprindo a "Lei do Amor" (Mateus 22), sempre colocando Deus acima de todas as coisas e a si mesmo antes do próximo.

Não importa se a palma da sua mão é lisa ou áspera. Servindo desta maneira são mãos que poderão ser levantadas aos céus em louvor a Deus.

 

Do seu pastor, Sidney Roberto.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Siga